Arcebispo de Uberaba participa da celebração dos 100 anos da Diocese de Luz

A Diocese de Luz (MG) celebrou neste dia 08 de julho seu centenário. O arcebispo metropolitano de Uberaba, Dom Paulo Mendes Peixoto, esteve presente para homenagear a Diocese mineira. Acompanhe a mensagem do arcebispo para este bonito momento de celebração:

100 anos

Dia 8 de julho de 2018. Nessa data a Diocese de Luz, vizinha da Arquidiocese de Uberaba, encerrou suas festividades em comemoração a seus cem anos de criação. Foi uma bonita festa acontecida na Catedral, com a presença do Senhor Núncio Apostólico, Dom Giovanni d’Aniello, Arcebispos, Bispos, Padres, Religiosos, Seminaristas, Autoridades Civis e todo o Povo de Deus daquela Diocese. Uma presença aproximada de umas seis mil pessoas.

A Arquidiocese de Uberaba parabeniza a Diocese de Luz pela Celebração desse Centenário. Parabéns a Dom José Aristeu Vieira, Bispo de Luz, ao Presbitério local, Agentes Pastorais e a todos os diocesanos dessa querida Diocese vizinha. Que a experiência de cem anos, passados com tanta fecundidade pastoral possa prosseguir com o mesmo vigor de sempre. Parabéns e que Deus os abençoe.

Dom Paulo Mendes Peixoto
Arcebispo de Uberaba.

Dom Paulo Mendes Peixoto, arcebispo metropolitano de Uberaba, participa da celebração festiva pelos 100 anos da Diocese de Luz (MG)

Diocese de Luz

Localizada no Sudeste do Brasil, com uma população de 1.865.579 habitantes (IBGE, 2012), a região Centro-Oeste de Minas Gerais abriga a centenária Diocese de Luz. Formada por 32 cidades, a Diocese possui uma população de 440.964 habitantes (IBGE, 2010) e é enobrecida por fazer parte de uma região muito rica em recursos naturais, o que a faz uma potência hidrográfica, pois é banhada pelo Lago de Furnas, ao sul, e pela Represa de Três Marias, ao norte; além de ser o berço da nascente do rio da integração nacional: o Rio São Francisco, que, nascendo no Parque Nacional da Serra da Canastra, um do mais importantes parques nacionais brasileiros, serpenteia pelo Brasil.

Criado em 8 de julho de 1918, o bispado de Luz surgiu a partir de uma necessidade confidenciada pelo arcebispo de Mariana, Dom Silvério Gomes Pimenta, ao pároco local, padre Joaquim das Neves Parreiras, de desmembrar uma parte da Arquidiocese de Mariana, até então abrangendo uma grande porção do estado. Diante da recusa de muitos párocos à proposta, o desafio lançado ao padre Parreiras consistia na possibilidade de instalar em um arraial (do Aterrado) a sede de um bispado. Com o compromisso assumido de constituir patrimônio e condições para instalação da cúria episcopal, começou toda essa história que completa agora 100 anos.

Fonte: diocesedeluz.org.br

Confira as fotos da celebração do Centenário da Diocese de Luz:

 

Jordana Moreira
Assessoria de Imprensa

Compartilhe!
0 respostas

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *