IV Congresso de Gestão Eclesial vai abordar questões importantes da administração na Igreja

O bispo auxiliar do Rio de Janeiro e secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Joel Portella, vai participar do IV Congresso de Gestão Eclesial, que traz como temática: impactos da legislação numa “Igreja em Saída”. O evento, que tem o apoio da CNBB, e vai proporcionar uma reflexão atualizada sobre a atual legislação, será realizado entre os dias 24 e 27 de setembro, no Centro de Convenções de João Pessoa, na Paraíba.

Dom Joel vai falar sobre gestão administrativa e uma reflexão sobre as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE) para o quadriênio 2019-2023, que ele colaborou na confecção e que foram aprovadas durante a 57ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, realizada em Aparecida (SP), de 1º a 10 de maio.

Dom Joel Portella. Foto: Daniel Flores/CNBB

O ecônomo da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, monsenhor Nereudo Freire Henrique, explica que o congresso tem dois eixos fundamentais. “Creio que será uma experiência de fundamental importância visto que em um pequeno espaço de tempo teremos uma reflexão da gestão e da pastoral”.

Ainda segundo o monsenhor,  a legislação brasileira está em constante mudança e é muito importante que o gestor esteja sempre atualizado para fazer fluir os processos administrativos e financeiros seja nas paróquias e ou arqui/dioceses.

Na programação do congresso também consta conferências, oficinas, seminários e workshops que vão abordar temas urgentes dentro das várias dimensões da Igreja como: contabilidade, gestão de pessoas, espiritualidade, pastoral, catequese, dízimo, comunicação, patrimônio e procedimentos administrativos. Além de shows, apresentações culturais e a feira de artigos religiosos, a Expofé.

As inscrições podem ser feitas pelo site www.congec.com.br até o dia 19 de setembro.

Fonte: CNBB

 

Compartilhe!
0 respostas

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *