Dom Paulo participa de Encontro na sede da Pastoral da Criança, em Curitiba, nos dias 20 e 21 de agosto

Eleito na última semana bispo responsável pela Pastoral da Criança no Estado de Minas Gerais, Dom Paulo Mendes Peixoto participa do Encontro da Pastoral da Criança na Sede Nacional em Curitiba, nos dias 20 e 21 de agosto. “Foram apresentados três nomes de bispos de Minas, entre eles estava meu nome. A CEP (Comissão Episcopal de Pastoral) escolheu o meu. Estou a serviço. Espero acompanhar à medida do possível”, afirma Dom Paulo.

Pastoral da Criança promove Encontro com Bispos de várias regiões do Brasil e Missa em Ação de Graças

A Coordenação Nacional da Pastoral da Criança recebe, nos dias 20 e 21 de agosto de 2019, 15 Bispos vindos de várias regiões do Brasil, para celebrar as conquistas, avaliar os desafios e a situação atual de nossa Pastoral, julgar e definir estratégias de atuação.

Os Bispos, vindos dos Estados de Sergipe, Ceará, Piauí, Alagoas, Pernambuco, Amazonas, Tocantins, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul; estarão reunidos na sede da Pastoral da Criança e do Museu da Vida.

No dia 20 de agosto, no Santuário Nossa Senhora de Guadalupe – Praça Senador Correia, 128, Centro; as 12h, será realizada uma Missa em Ação de Graças pela Pastoral da Criança com a participação dos 15 Bispos, voluntários e convidados.

Ir. Veneranda Alencar, Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança, com Dom Paulo Mendes Peixoto, eleito bispo responsável pela Pastoral, em MG

Segundo a Ir. Veneranda Alencar, Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança,“os Bispos são uma grande força da Igreja e de apoio ao trabalho da Pastoral da Criança e estamos muito felizes em poder, juntos, à luz também do Evangelho, avaliar nossa situação atual e traçar estratégias para um agir em conjunto”.

Para Dom Anuar Battisti, Arcebispo de Maringá e Presidente do Conselho Diretor da Pastoral da Criança,“é sempre uma imensa alegria e uma benção poder receber os Bispos na Sede da Coordenação Nacional e do Museu da Vida e podermos, juntos, celebrar a atuação e definirmos estratégias para chegar ainda mais à quem precisa”. 

Serão 2 dias de encontro em que os Bispos poderão conhecer um pouco mais dos desafios atuais e trazer informações das suas regiões, dúvidas e sugestões de como tornar mais efetivo o trabalho em conjunto, bem como debater com a Coordenação Nacional estratégias de atuação.

Um dos destaques da discussão será a importância do tema 1000 DIAS e formas de levar esse conteúdo ao conhecimento de cada vez mais pessoas. A discussão sobre a vontade e a necessidade de atrair voluntários capazes de possibilitar que a Pastoral da Criança chegue à todas as crianças e famílias pobres também estará presente.

Para o Dr. Nelson Arns Neumann, “com a mudança dos problemas enfrentados pelas famílias pobres e a diminuição do voluntariado, sentimos a urgência de encontrar com nossos Pastores, ao menos, anualmente, para celebrar as conquistas destes mais 35 anos, avaliar os desafios e a situação atual de nossa Pastoral, julgar e definir estratégias de atuação. Sempre saímos todos desses encontros com a certeza de termos ainda uma longa caminhada pela frente, mas fortalecidos por podermos atuar em comunhão, sempre em busca de vida plena para todas as famílias e crianças pobres”.

A Pastoral da Criança atua junto às crianças, gestantes e famílias mais pobres, no Brasil e em outros 10 países. O fruto deste trabalho, atualmente, é o acompanhamento de mais de 49 mil gestantes, 845 mil crianças de zero a seis anos, por meio de mais de 139 mil voluntários, em mais de 26 mil comunidades de todos os estados brasileiros.

Fonte: pastoraldacrianca.org.br

Compartilhe!
0 respostas

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *