Pastoral da Saúde arquidiocesana promove Encontro de Formação para agentes pastorais

No dia 29 de julho de 2018 foi realizada a Formação Arquidiocesana para Agentes da Pastoral da Saúde da Arquidiocese de Uberaba, em parceria com a Coordenação da Pastoral da Saúde do Regional Leste 2* da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).

A coordenação da Pastoral da Saúde arquidiocesana fez contato com as paróquias para divulgar o evento e explicar a importância dos agentes e demais interessados conhecerem as atribuições da Pastoral, para estarem atualizados com as recentes atividades.

O assessor espiritual da Pastoral, padre Selmo Donizetti, falou sobre a missão, visão, valores e a respeito dos objetivos gerais e estratégicos da Pastoral da Saúde. Padre Selmo apresentou a saúde na antiguidade e na Bíblia, no Antigo e no Novo Testamento. O assessor explicou aos agentes que a espiritualidade e o comprometimento são pontos fundamentais para que os trabalhos na Pastoral da Saúde sejam desenvolvidos.

A coordenadora arquidiocesana da Pastoral da Saúde, Ana Maria Freitas Oliveira, falou sobre as Dimensões Solidária e Comunitária da Pastoral, exemplificando sua vivência na Pastoral da Saúde da paróquia Santa Maria Mãe da Igreja (Nossa Senhora Aparecida) em Uberaba. Ana Maria demonstrou aos agentes presentes que o trabalho da Pastoral é de grande importância e gratificante. “Quando voltamos das visitas nas residências, nos hospitais, pronto-atendimentos ou asilos, nos sentimos agradecidos por servir aos irmãos e irmãs que necessitam do nosso trabalho”.

Além da questão espiritual, onde a Palavra de Deus é levada aos doentes e familiares, a coordenadora destacou as necessidades socioeconômicas, que em grande parte das vezes são solucionadas. Uma vez que a Pastoral da Saúde realiza eventos para angariar recursos financeiros para cobrir as despesas das demandas levantadas nas visitas realizadas na Comunidade. “Temos algumas órteses e próteses (muletas, cadeiras de rodas e de banho) que emprestamos a quem precisar”.

O coordenador da Pastoral da Saúde do Regional Leste 2 da CNBB, Jurandir Ferreira, falou sobre a Dimensão Político-Institucional da Pastoral da Saúde, alertando os agentes de Pastoral sobre a relevância do momento atual. Segundo o coordenador, na 54ª Assembleia Geral em Aparecida, realizada de 6 a 15 de abril de 2016, a CNBB aprovou o texto do Documento 105: “Cristãos Leigos e Leigas na Igreja e na Sociedade – Sal da Terra e Luz do Mundo” (Mt. 5,13-14) no dia 14 de abril. “No período de 26 de novembro de 2017, Solenidade de Cristo Rei, à 25 de novembro de 2018, a Igreja no Brasil está celebrando o Ano do Laicato, com o tema: ‘Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino’ e lema: ‘Sal da Terra e Luz do Mundo'(Mt. 5,13-14). O objetivo é estimular o protagonismo dos cristãos leigos e leigas”, mencionou Jurandir.

O coordenador abordou o momento político atual, onde serão realizadas as eleições gerais para Deputados Estaduais e Distrital, Deputados Federal, Governadores, Senadores da República (Minas Gerais vai eleger dois dos três existentes) e Presidente da República. Jurandir destacou a relevância dos eleitores se informarem e saberem quais candidatos estão com as propostas que atendem às suas necessidades. “Na Constituição Brasileira, no Ato das Disposições Constitucionais Transitórias – ADCT, art. 26, consta que o Congresso deverá realizar auditoria pública para verificar a questão da dívida. Eles nunca ‘deixaram’ que fosse criada a Comissão para realizar as atividades. Este é o momento de ver quem se compromete conosco a lutar para que seja realizada a Auditoria Cidadã da Dívida Pública e ver se realmente ainda estamos devendo ou se já pagamos tudo que devíamos”, afirmou.

Outro ponto debatido, foi a responsabilidade das Pastorais da Saúde Paroquiais, em cada município, de ocuparem os cargos nos Conselhos Municipais de Saúde. “É de fundamental importância para que tenhamos acesso às informações sobre a Gestão na Assistência à Saúde e de como estão aplicando as verbas, evitando que haja desvios nas suas finalidades e consequentemente evitando corrupção”, disse o coordenador.

No dia 11 de novembro de 2018 será realizado o Congresso do Conselho Arquidiocesano de Leigos e Leigas da Arquidiocese de Uberaba com a presença de um profissional qualificado para falar sobre a Auditoria Cidadão da Dívida Pública, toda a Comunidade será convidada a participar.

A coordenadora arquidiocesana, Ana Maria, convocou todos(as) os(as) agentes de Pastoral para estarem juntos no Congresso Interdiocesano da Pastoral da Saúde, que será realizado no dia 18 de novembro de 2018, em Uberaba. Ana Maria agradeceu a presença dos agentes presentes, principalmente os da cidade de Romaria.

O evento contou com a presença significativa dos agentes da Pastoral da Saúde e a formação foi encerrada com uma roda de oração e a bênção do assessor espiritual da Pastoral, padre Selmo Donizetti.

*O Regional Leste 2 da CNBB éformado pelos Estados de Minas Gerais e Espírito Santo

Coordenação da Pastoral da Saúde do Regional Leste 2 CNBB da Arquidiocese de Uberaba

Compartilhe!
0 respostas

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *