O que é o Movimento dos Focolares?

O Movimento dos Focolares nasceu em 1943, durante a Segunda Guerra Mundial, na cidade de Trento, norte da Itália. O carisma do movimento é a Unidade e sua grande missão é realizar o desejo de Jesus: tornar o MUNDO UNIDO. “Para que todos sejam um, Pai” (Jo 17, 21).

Entrevistamos um dos responsáveis pelo movimento na Arquidiocese de Uberaba, Luciano Magno da Silva, casado e pai de duas filhas. Luciano nos conta o que é o Movimento dos Focolares, as atividades realizadas em Uberaba e explica aos jovens como será o encontro “START JPMU” promovido nos dias 17 e 18 na Cúria Metropolitana. O objetivo da entrevista é apresentar para os leigos e leigas de nossa arquidiocese o Movimento dos Focolares e a sua importância para a comunidade. Acompanhem.

Entrevista

Há quanto tempo você participa do Movimento dos Focolares? Nos conte um pouco sobre seu ingresso no movimento.

Luciano Magno: Conheci o Movimento dos Focolares há 26 anos, ou seja, em 1992, em um encontro chamado Mariápolis, que foi realizado em Divinópolis-MG. Desde o primeiro contato com as pessoas do Movimento, me chamou a atenção a alegria e disposição de todos em ajudar e acolher quem estava chegando para o encontro, com pequenos gestos de amor por exemplo: carregando uma mala, acolhendo com alegria os jovens e as crianças que chegavam com seus pais, dava-se a impressão que era um reencontro familiar onde todos eram velhos conhecidos, mas muitos como eu era o primeiro contato com o Movimento dos Focolares. Mais tarde entendi que se tratava do carisma da Unidade – Pai que todos sejam um…

O que é o Movimento dos Focolares?

Luciano Magno: O movimento dos Focolares nasceu em 1943, durante a segunda guerra mundial, na cidade de Trento (norte da Itália), onde Chiara e um grupo de jovens viviam e cada uma tinha o seu ideal na vida, por exemplo: uma queria muito estudar teologia, outra casar-se, outra ainda ter uma bela casa, mas com a guerra a cidade de Trento era constantemente bombardeada e todos estes ideais foram destruídos, então elas perguntavam qual ideal que não passa, que as bombas e guerras não destroem?  A resposta veio através da vivência do evangelho: Deus.

Fonte: focolares.org.br

Nasceu ali em torno delas uma pequena comunidade onde todos queriam compartilhar com elas a experiência do Amor, colocando em prática o evangelho – tudo aquilo que fizeres ao menor dos meus é a mim que o faze – hoje o Movimento dos Focolares está presente em 182 países, conta com cerca de dois milhões de aderentes e simpatizantes, predominantemente católicos, mas não só. De maneiras variadas, participam dele milhares de cristãos de 350 Igrejas e comunidades eclesiais, muitos seguidores de outras religiões, entre os quais judeus, muçulmanos, budistas, hindus… e pessoas de convicções não religiosas.

Cada membro, cada pessoa que abraça essa espiritualidade procura viver, no próprio ambiente esse espírito, procura contribuir para que aos poucos o mundo seja “invadido pelo Amor”, o Amor de Deus.

Como o nosso carisma é a Unidade, nossa grande missão é realizar o desejo de Jesus, tornar o MUNDO UNIDO – Pai que todos sejam um.

Sobre o START JPMU – Jovens Por um Mundo Unido, Encontro de Jovens de Uberaba: qual o objetivo do encontro e o que será abordado?

Luciano Magno: UM NOVO OLHAR SOBRE O MUNDO – Queremos viver o evangelho concretamente, pondo o amor na base de todos os relacionamentos. Queremos propor um estilo de vida voltado para a construção de uma cultura da ética, da paz, da vida e da unidade. Como São João Paulo II disse aos Jovens por um Mundo Unido: “Estejam conscientes de que a estrada para um mundo unido… é percorrida construindo relacionamentos solidários e a solidariedade tem a sua raiz na caridade” (no amor).

Faremos a abordagem através de canções, temas de formação espiritual, gincanas, oficinas, testemunhos de vida, palestras e vídeos e principalmente o debate e convivência entre os jovens participantes.

Qual é a motivação de o encontro ser voltado para os jovens? Podemos dizer que o Movimento dos Focolares é um movimento jovem?

Luciano Magno: Na realidade o Movimento dos Focolares tem várias ramificações que visam a inclusão de todos no carisma da Unidade, por exemplo: Focolarinos (as) destinados aos leigos e leigas que desejam se consagrar; Famílias – destinado aos casais; Voluntários e voluntárias – destinados aos adultos; JPMU – destinados aos jovens, Movimento Sacerdotal, etc.

Como Dom Paulo já tinha manifestado a vontade em dar uma atenção especial à juventude da Diocese, o Movimento dos Focolares se colocou à disposição para construir – em conjunto com o clero – este momento, que estamos chamando de Start JPMU (Pontapé inicial dos Jovens por um Mundo Unido).

Há prazo para as inscrições?

Luciano Magno: SIM! As vagas para o encontro são limitadas e deverão ser realizadas até 14/03/18.

O Movimento dos Focolares tem vínculos com a Arquidiocese de Uberaba?

Luciano Magno: Sim, estamos em unidade com nosso arcebispo Dom Paulo e temos representante no CAP (Conselho Arquidiocesano de Pastorais).

Se alguém se interessar em conhecer o movimento, ou até mesmo fazer parte, como deve proceder?

Luciano Magno: Aqui em Uberaba estamos realizando a reunião da Palavra de Vida, onde a comunidade se reúne todo primeiro sábado do mês, às 15h na sala de catequese da Paróquia Adoração, próximo ao colégio Marista.

Para os jovens de 16 a 24 anos, teremos o encontro START JPMU, nos dias 17 e 18 de março.

Teremos também o encontro Regional em Uberlândia, a Mariápolis, que será realizada de 20 a 22 julho no Colégio Tereza Valsé.

Para finalizar, nos conte sobre a alegria de ser integrante de um movimento como este.

Luciano Magno: Eu me sinto muito feliz em poder contribuir e partilhar, ainda que de forma tímida, para a construção de um mundo diferente onde haja mais paz, respeito, liberdade, fraternidade e responsabilidade, onde realmente caminhemos para um mundo que Deus quer, onde todos se reconheçam como irmãos, em outras palavras: contribuir para a realização do Testamento de Jesus: Pai que todos sejam um.

Jordana Moreira
Assessora de Imprensa

Compartilhe!
6 respostas
  1. Lázara Aparecida Simões
    Lázara Aparecida Simões says:

    Ótima entrevista. Muito bom ver famílias jovens, adolescentes, adultos e crianças empenhados numa vivência baseada no Amor. O mundo necessita desse vida respeitando o diferente em busca do bem comum para todos.

    Responder
  2. Jurandir Ferreira
    Jurandir Ferreira says:

    Parabéns!
    O Mundo precisa destes tipos de ações e nossa Arquidiocese está dando exemplo para que os Jovens não perca a esperança de termos um Mundo melhor, e contribuirá muito para que nossos jovens não cresçam com vontade de deixar nosso País. O Brasil tem jeito e o Movimento dos Focolares contribuirá para avançarmos nesta ~importante contribuição na formação de nossos Jovens.

    Responder
  3. Maria Betânia Moreira Carvalho Silva
    Maria Betânia Moreira Carvalho Silva says:

    Boa tarde. Gostaria o contato do Luciano ou de algum outro membro do Folcolar. Mudamos para Uberaba a pouco tempo e temos interesse em participar, nos engajar novamente em algum movimento da Igreja.

    Responder
    • Jordana
      Jordana says:

      Boa tarde, Maria Betânia! Seja bem-vinda!
      Pediremos ao Luciano para entrar em contato com você, através do seu e-mail.
      Agradecemos o seu contato!

      Responder

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *