Paróquia São José Operário comemora Jubileu de Ouro em homenagem aos seus 50 anos

Entre os dias 2 ao 12 de outubro acontecerá na Paróquia São José Operário uma extensa programação por ocasião do ano Jubilar

 

Fundada oficialmente em 1970, a Paróquia São José Operário de Ponte Alta chega a seus 50 anos de existência. Desta forma, marca as mais de cinco décadas de evangelização e serviço à vida em terras ponte altenses.

Em razão da pandemia, as nossas comemorações vão ocorrer no novenário em louvor a Nossa Senhora da Aparecida, destaca o Pároco Otair Cardoso.

“As festividades terão início com a recepção da imagem de Nossa Senhora da Aparecida no trevo da cidade, imagem essa que foi doada pelo Santuário Nacional de Aparecida – SP, em ocasião ao cinquentenário”, conta padre Otair.

Logo após, a missa de abertura será presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Paulo Mendes Peixoto, seguida do descerramento da placa comemorativa e entronização de Nossa Senhora à igreja.

Consta também na programação da semana jubilar, eventos tais como a corrida jubilar, leilão de prendas, jubileu com as crianças, campeonato de futebol, o momento mariano com a visita a Nossa Senhora da Conceição Aparecida localizada no Mirante de Ponte Alta, tudo realizado com o auxílio e participação de nossa comunidade pastoral”, enfatiza Padre Otair.

Antes da ereção canônica, o início das celebrações já ocorriam no bairro rural de Ponte Alta, na região havia três importantes capelas que eram assistidas pelos Padres Dominicanos, na qual foi registrada a primeira missa oficial celebrada no dia 24 de agosto de 1954, na Fábrica de Cimento Ponte Alta.

Desde então, muitas foram aquelas pessoas que passaram pela comunidade e deixaram seu legado, entre elas padres, religiosos, religiosas, e muitos leigos e leigas que se dedicaram com afiança ao serviço do povo de Deus.

Ao longo dos 50 anos foram realizados 1654 batismos, 383 casamentos, houve a formação de centenas de catequistas, incontáveis celebrações e eventos que marcam a memória da Paróquia São José Operário.

Padre Otair se sente honrado por conduzir os trabalhos do ano jubilar, visto que por Graça de Deus, o mesmo recebeu o sacramento do batismo nesta igreja em 28 de setembro de 1975. Na ocasião, batizado por Frei Lúcio Pizapia, pertencente à Ordem dos Frades Menores. Além disso, padre Otair expressa uma imensa alegria visto que o padre que o batizou estará presente nas festividades da paróquia.

“Vale lembrar que o Jubileu de Ouro finaliza no dia 12 de outubro, com a Oração do Ângelus e a Consagração a Nossa Senhora da Conceição Aparecida, e com a Santa Missa seguida de procissão e Coroação”, finaliza Padre Otair Cardoso.

Gabriel Castro

Jornalista

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
© Copyright Arquidiocese de Uberaba. Feito com por
© Copyright Arquidiocese de Uberaba.
Feito com por