Pastoral Bíblico-Catequética

A Comissão Arquidiocesana para Animação Bíblico-Catequética vem para responder ao apelo evangelizador da Igreja, delineando uma catequese litúrgica, bíblica e vivencial – fundamentada na metodologia catecumenal de iniciação cristã e promover a animação bíblica de toda a pastoral.

Tem como objetivo principal desenvolver um projeto que leve a uma profunda experiência com Jesus Cristo e forme discípulos missionários que testemunhem sua fé na sociedade. Esse projeto contempla a centralidade na Palavra de Deus e a inspiração catecumenal, em uma Igreja em saída, conforme consta no PAPIU – “implantação de uma catequese permanente – modelada pelo processo catecumenal – para crianças, adolescentes e adultos, em vista da formação de discípulos missionários de Jesus Cristo” (93).

Fazer da nossa realidade atual um processo de Iniciação à Vida Cristã, conforme o testemunho das comunidades cristãs primitivas, não é tarefa fácil, já que requer novas atitudes pastorais por parte do arcebispo, presbíteros, diáconos, pessoas consagradas e agentes de pastoral. No entanto, apresenta-se como “uma urgência que precisa ser assumida com decisão, coragem e criatividade” (Doc 107, 69)

Nosso projeto vem superar a alguns desafios, como a persistência de uma pastoral de manutenção, sobressair a uma catequese sacramental, demonstrar e explanar a Iniciação à Vida Cristã bem como, os seus documentos especialmente o RICA. Ampliar o diálogo entre padres e seminaristas, visando a implantação de uma pastoral de conjunto com novas linguagens e métodos, assim poderemos todos falar uma mesma linguagem tendo como unidade as 3 etapas e os 4 tempos da IVC, onde o catequista tem consciência do seu papel e o vive com amor, valorizando a participação contínua da família em seu processo de evangelização. Não nos cabe mais uma catequese para apenas transmitir conteúdo, mas uma verdadeira partilha de fé e de vida entre os irmãos envolvendo toda a comunidade.

“Ou educamos na fé, colocando as pessoas realmente em contato com Jesus Cristo e convidando-as para segui-lo, ou não cumpriremos nossa missão evangelizadora”. (DAp 287)

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
© Copyright Arquidiocese de Uberaba. Feito com por
© Copyright Arquidiocese de Uberaba.
Feito com por