Pastoral da Criança

A Pastoral da Criança é um Organismo de Ação Social da CNBB e alicerça sua atuação na organização da comunidade e na capacitação de líderes voluntários que ali vivem e assumem a tarefa de orientar e acompanhar as famílias vizinhas em ações básicas de saúde, educação, nutrição e cidadania, tendo como objetivo o “desenvolvimento integral das crianças, promovendo, em função delas, também suas famílias e comunidades, sem distinção de raça, cor, profissão, nacionalidade, sexo, credo religioso ou político” (Artigo 2º do Estatuto). Suas principais ações são o acompanhamento de crianças de zero a seis anos e o de gestantes por meio de líderes voluntários que vivem nas próprias comunidades que atuam, tornando todos agentes de sua própria transformação. A missão é toda baseada no tripé de ações que é formado pelas Visitas Domiciliares, Celebração da Vida e Reunião de Reflexão e Avaliação. Além disso, atua de forma permanente e ativa no Controle Social das Políticas Públicas, em todos os níveis da federação e promove Campanhas de mobilização, de realização própria e em parcerias.

Missão

“Para que todas as crianças tenham vida em abundância” (Cf. Jo 10, 10).

A missão da Pastoral da Criança é promover o desenvolvimento das crianças à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, do ventre materno aos seis anos, por meio de orientações básicas de saúde, nutrição, educação e cidadania, fundamentadas na mística cristã que une fé e vida, contribuindo para que suas famílias e comunidades realizem sua própria transformação.

É por este motivo que a Pastoral da Criança atua em todo o Brasil, acompanhando mais de 360 mil crianças e mais de 18 mil gestantes e suas famílias, zelando pelo cuidado desde o nascimento e durante toda a primeira infância.

Para que isso aconteça, mais de 42 mil voluntários estão mobilizados, sendo 33 mil líderes. Juntos, eles levam a missão Pastoral da Criança para mais de 2.600 municípios em mais de 16 mil comunidades. Além disso, ela está presente em outros 11 países da América Latina, África e Ásia: Guiné-Bissau, Haiti, Peru, Filipinas, Moçambique, Bolívia, República Dominicana, Guatemala, Benin, Colômbia e Venezuela.

A Pastoral foi fundada em 1983 pela Dra. Zilda Arns, médica pediatra e sanitarista, juntamente com Dom Geraldo Magela Agnello (cardeal Arcebispo Primaz de São Salvador da Bahia), a pedido da CNBB. Dra. Zilda faleceu em janeiro de 2010, durante um terremoto no Haiti, onde estava em missão pela Pastoral da Criança. A Irmã Veneranda da Silva Alencar, da Congregação das Irmãs Missionárias de Santa Terezinha, é a atual coordenadora nacional da Instituição e está à frente desta Missão desde 2016. Com sua alegria e carisma, motiva a todos a seguirem o exemplo de Jesus e de Maria e a serem sinal de Deus nos diversos espaços para transformar as comunidades num ambiente saudável e digno.

Dra. Zilda Arns

Irmã Veneranda

Em todas as regiões do Brasil e nos países onde a Pastoral da Criança atua, há problemas como a anemia, o sobrepeso e obesidade, que estão atingindo crianças de todas as classes sociais. A instituição adaptou seu foco, que antes era a desnutrição, para o problema atual da obesidade. Por isso, orienta as famílias acompanhadas sobre a importância dos cuidados nos primeiros 1000 dias de vida, que podem influenciar a saúde do indivíduo para sempre. Também são dadas orientações através dos projetos Alimentação Saudável e Acompanhamento Nutricional, este sendo desenvolvido somente no Brasil.

Na Arquidiocese de Uberaba, somos 31 líderes atuantes atendendo 294 crianças de 0 a 6 anos, presentes nas cidades de Conceição das Alagoas, Conquista, Campo Florido, Nova Ponte e Uberaba, um número muito modesto em relação ao grande número de famílias vulneráveis que cresceu ainda mais com a situação da pandemia.

Dom Paulo Mendes Peixoto, Arcebispo Arquidiocesano de Uberaba e Bispo referencial da Pastoral da Criança do Estado de Minas Gerais, tem acompanhado efetivamente o trabalho da Pastoral da Criança, orientando-nos, conversando com os padres e incentivando a levar adiante esta missão para abranger um número maior de foranias. Contamos ainda com o suporte incondicional de Padre Edilson, assessor Espiritual da Pastoral da Criança de nossa Arquidiocese e da Região Leste 2 de Minas Gerais.

Momentos de formação com Dom Paulo – coordenadores de Área e Paróquia

Momentos de espiritualidade da equipe da Pastoral da Criança com Padre José Edilson

A Equipe de Coordenação da Pastoral da Criança tem buscado apoio junto aos párocos para alavancar esta ação tão necessária entre as famílias mais necessitadas.

Um dos desafios que enfrentamos durante a pandemia foi continuar as visitas sem trazer prejuízo para as famílias. A alternativa proposta pela Coordenação Nacional foi que as visitas fossem feitas de forma on-line com as famílias cadastradas e que tivessem celular, visto que não podíamos fazer as visitas presenciais. Claro que desta forma muitas famílias não puderam ser atendidas, mas o trabalho da Pastoral não parou. Foram realizadas palestras on-line sobre amamentação, saúde bucal da gestante e das crianças, propostas de brinquedos e brincadeiras para crianças, entre outras. Conversávamos de forma on-line, pelo WhatsApp ou mesmo ligando para as famílias, levando orientações, ouvindo suas dificuldades e muitas vezes recorrendo a parceiros para atender as necessidades básicas de algumas dessas famílias.

Em 2017, a Pastoral da Criança lançou o Aplicativo “Visita Domiciliar” com a proposta de auxiliar o líder durante a visita. Trata-se de um aplicativo que permite cadastrar cada criança ou gestante acompanhada. O aplicativo também apresenta orientações desde a gestação até os 6 anos, com informações sobre alimentação, calendário de vacinas e inclusive sobre o Coronavírus. Isto nos permitiu passar orientações corretas para as famílias, também sobre brinquedos e brincadeiras, entre outros.

Com esta inovação, não é mais necessário utilizar o caderno impresso, o que ajuda a economizar papel e combustível para transporte desse material da Coordenação Nacional para as Comunidades, além de preservar o meio ambiente.

A Pastoral da Criança está presente nas comunidades para agir na promoção da saúde e do desenvolvimento integral de gestantes, crianças e suas famílias. Essa ação acontece porque há pessoas que se comprometem a assumir, como voluntários, a missão da Pastoral da Criança. E nessa missão compartilham seus conhecimentos, experiências e uma parte de seu tempo. Na Pastoral da Criança, os voluntários podem sentir a alegria de servir, de saber escutar, de apoiar as pessoas em suas necessidades, de praticar a humildade e o respeito ao outro. Assim, em cada Comunidade pessoas são chamadas para se tornarem líderes da Pastoral da Criança. Essas pessoas são preparadas, de início, por meio de capacitação a partir do Guia do Líder ou pelo Aplicativo “Visita Domiciliar da Pastoral da Criança”, para que possam aumentar seus conhecimentos, trocar experiências e depois compartilhá-las com as famílias que acompanham.

Atividades Desenvolvidas

23 de dezembro de 2021

Em tempo pandêmico, a Pastoral da Criança CONTINUOU SENDO UMA LUZ DE ESPERANÇA NO NATAL.

Mesmo com todas as incertezas de um período tão difícil, a Pastoral da Criança das Comunidades Nossa Senhora de Lourdes e Nossa Senhora do Carmo de Uberaba estiveram firmes na missão.

Juntamente com Padre Alvimar e fiéis da Quase Paróquia Nossa Senhora de Lourdes – Mãe da Esperança e Comunidade Nossa Senhora do Carmo, as coordenadoras e líderes Ana Maria B. Ribeiro, Ângela M. Gonçalves, líder Luciana dos Santos e apoios realizaram pelo quarto ano consecutivo o Natal Solidário. A ação envolveu toda a Comunidade e cada criança recebeu UM BRINQUEDO, UM CONJUNTO DE ROUPA E CALÇADO (de um padrinho). Os fiéis, durante a NOVENA DE NATAL, realizaram um gesto concreto, doando cestas básicas, frutas e leite para que a crianças e famílias tivessem UMA NOITE FELIZ.

Nesta ação, tivemos também a parceria de uma turma maravilhosa do ROTAKIDS, composta por crianças e adolescentes que arrecadaram brinquedos usados e realizaram o processo de tratamento para que fossem reutilizados. Houve também a doação de livros infantis e de frutas, um envolvimento que levou alegria às crianças.

Ana Maria Barbosa Ribeiro (Coordenadora da Comunidade Nossa Senhora do Carmo)

Ângela M Gonçalves (Coordenadora de Paróquia)

Dezembro de 2021

A Equipe da Pastoral da Criança da Paróquia São Miguel de Nova Ponte realizou o projeto com as famílias acompanhadas, sendo que todos os dias os pais tinham um desafio para fazer com os filhos, desafio este lançado durante a pandemia com o intuito de acalmar as crianças no período que não estavam em aula, ocupando o tempo delas, aproveitando para descontrair toda a família, aliviando a tensão da incerteza, naquele momento difícil mediante as dúvidas em relação à pandemia.

Outra atividade realizada pela Equipe de Nova Ponte em dezembro de 2021 foi levar pessoas representando a Sagrada Família para entregar os presentes de Natal. Os presentes eram entregues pelas mãos do Menino Jesus, de Maria e José e não do Papai Noel e ali era explanado o verdadeiro sentido do Natal.

Dia 26 de março de 2022

Em Conceição das Alagoas, as líderes da Pastoral da Criança da Paróquia São Pedro realizaram, depois de dois anos, a primeira Celebração da Vida pós-pandemia. Durante a manhã, no Salão Paroquial, houve a Celebração da Vida com a presença de Padre Alexandre. Em seguida, aconteceu a pesagem e medição da altura das crianças. Agentes de saúde estiveram presentes, aferindo a pressão das mães e das gestantes.

Para alegria e diversão das crianças, havia um pula-pula e também a presença das líderes das Comunidades Santa Isabel e Santo Expedito, reforçando a equipe e realizando brincadeiras com as crianças.

Depoimento

“A missão da Pastoral da Criança é um compromisso, uma tarefa específica que preenche nossa vida, que nos alegra, nos inspira a ser a cadadiaumapessoamelhor.Realizaramissãoé seragentedetransformaçãonacomunidade,visitandoecompartilhandomensalmentecom as famílias. É algo que faz pulsar mais forte o coração. Devemos perseverar, pois, ao fazer o bem,nossavidasetornamaisleveemaisfeliz.”

Adriana Januária de Oliveira – Coordenadora da Pastoral Da Criança da Paróquia São Pedro, em Conceição das Alagoas MG, Arquidiocese de Uberaba.

Abril de 2022 Visita Domiciliar

Com a liberação das medidas de contenção devido ao COVID, a equipe da Paróquia Imaculada Conceição (Comunidade São Benedito) de Conceição das Alagoas retornou com as visitas domiciliares para o ano de 2022.

 

Conclusão

Nossos desafios ainda são muitos diante da grande extensão de nossa Arquidiocese e o enorme número de gestantes e crianças que precisam ser acompanhadas. Entretanto, estamos com muita esperança e fé, avançando, reativando a Pastoral da Criança em comunidades que já foram bastante atuantes e implantando a Pastoral da Criança em Paróquias que ora nos abrem as portas. Cientes da necessidade de irmos ao encontro dos irmãos mais necessitados, caminharemos juntos com a Graça de Deus neste Ano da Caridade, cobrando políticas públicas mais eficientes, ajudando na transformação das comunidades, para que possamos ter uma sociedade mais justa e fraterna. Sejamos perseverantes!

Nossa missão é continuar o projeto de Jesus que, com sua presença transformadora, anunciava a esperança de um mundo mais humano e solidário: “Eu vim para que todos tenham vida e vida plena” (Jo 10,10).

Salimar da Fonseca Carvalho Peixoto

Coordenadora da Pastoral da Criança da Arquidiocese de Uberaba

Para     saber     mais     sobre     a     Missão     da     Pastoral     da     Criança,    acesse:

www.pastoraldacrianca.org.br e também nos acompanhe no Instagram, através do nosso QRcode:

 

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
© Copyright Arquidiocese de Uberaba. Feito com por
© Copyright Arquidiocese de Uberaba. Feito com por