Reunião Geral do Clero da Arquidiocese de Uberaba reúne 59 padres na Cúria Metropolitana da cidade

Nesta terça-feira, dia 06 de fevereiro, a Arquidiocese de Uberaba realizou a primeira Reunião Geral do Clero do ano de 2018. O encontro contou com a presença de leigos, diáconos permanentes e recebeu 59 padres diocesanos e de congregações religiosas.

No período da manhã, o primeiro assunto em pauta tratou das orientações sobre a Catequese. Padre Fabiano Roberto, assessor arquidiocesano da Comissão Bíblico Catequética, falou sobre o Encontro Arquidiocesano de Catequistas no último domingo (04/02) realizado no Colégio Marista, em Uberaba. Padre Fabiano informou que estiveram presentes 410 catequistas de toda a arquidiocese. “O encontro foi bom, tivemos um bom retorno dos catequistas. Agora nós vamos começar um trabalho mais personalizado nas paróquias”, contou padre Fabiano. Cláudia Beatriz Moreira, coordenadora da Comissão Arquidiocesana de Catequese, falou sobre a importância de se planejar estes encontros. “Não podemos nos especializar na arte do improviso”.

Na sequência, o arcebispo de Uberaba, Dom Paulo Mendes Peixoto, falou sobre a Campanha da Fraternidade (CF) 2018, cujo tema é “Fraternidade e Superação da Violência” e incentivou os padres a abordarem o tema da Campanha durante a missa para despertar a consciência coletiva sobre a importância de sermos agentes de transformação na sociedade. “Seria interessante nas missas os padres passarem essa palavra de paz. A Campanha da Fraternidade é o espaço para uma reflexão comprometida sobre o tema, mas é preciso criar espaços nas paróquias para refletir sobre o assunto. Podemos propor um gesto concreto nas paróquias, dar visibilidade à questão da violência”. Um exemplo de gesto concreto foi exposto pelo diácono José Célio, da Paróquia de São Domingos de Gusmão, em Araxá. A paróquia realizará em no dia 24 de março a Caminhada da Paz.

Monsenhor Valmir Ribeiro, assessor da Pastoral da Comunicação Arquidiocesana, reforçou o convite aos presentes para o evento de Abertura da Campanha da Fraternidade 2018 que aconteceu na noite de terça-feira (06/02), às 19h, no Anfiteatro da Prefeitura Municipal de Uberaba. Monsenhor Valmir também falou sobre os projetos desenvolvidos pelas polícias civil e militar da cidade de Uberaba em prol da superação da violência, e destacou a importância da Igreja contar com a parceira da segurança pública para realizar as ações propostas pelo texto-base da CF 2018.

Outro assunto apresentado foram as orientações sobre o Ano Nacional do Laicato. Suely Fernandes, coordenadora do Conselho Arquidiocesano de Leigos, falou sobre a importância do diálogo entre padres e leigos para que exista realmente uma interação em prol da nossa Igreja. “Nós pedimos muito que os padres e os leigos possam fazer uma caminhada juntos. É importante que seja dado um grande apoio aos leigos e que os padres realmente possam interagir com a comunidade como um todo”, afirmou a coordenadora.

A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), juntamente com o CNLB (Conselho Nacional do Laicato do Brasil), criaram o Estandarte do Ano do Laicato, que tem a Sagrada Família como imagem representativa. A escolha remete ao ideal de família que deve ser seguido por todos nós. Para Suely, o Estandarte é uma forma de integrar e ao mesmo tempo fazer com que todos interajam. “Esse Estandarte ficará em cada paróquia da nossa Arquidiocese, nas áreas pastorais, basílicas, santuários etc. Ele irá fazer a visita na íntegra, com a permanência de cinco dias”, explicou. Além do Estandarte, a CNBB criou um folheto celebrativo para acolhida e para envio. “Esse folheto nos dará um embasamento a ser seguido, claro que cada padre pode fazer as adequações de acordo com a realidade da sua paróquia. É um conteúdo maravilhoso que tem como objetivo principal integrar mais o povo e conscientizar o leigo na sua missão, vocação e no seu trabalho frente à Igreja”, finalizou Suely.

 

Jordana Moreira

Assessora de Imprensa

 

Compartilhe!
0 respostas

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *